Audiências na Assembleia Legislativa: Comando de Greve exige a retirada dos projetos

12.Dezembro.2019

O Comando de Greve Unitário dos Servidores Públicos do RS reuniu-se na quarta-feira, 11, com o presidente da Assembleia Legislativa, Luís Augusto Lara (PTB), e com o líder do MDB na Casa, Fábio Branco, para cobrar a retirada do pacote de reforma administrativa – chamado de pacote da morte - enviado ao Legislativo pelo governador Eduardo Leite (PSDB).

Iniciada no dia 26 de novembro, a greve exige a retirada dos projetos da Assembleia Legislativa, que tramitam em regime de urgência, a regularização imediata do pagamento dos salários, pagos atrasados e parcelados há 48 meses, e reajuste salarial, já são cinco anos com vencimentos congelados.

“Não existe meio termo, nem qualquer possibilidade de aceitarmos emendas. Queremos a retirada total deste pacote que pretende destruir com todas as nossas conquistas e reduzir os salários dos aposentados” afirmou Érico Corrêa, integrante do Comando de Greve. Para o Comando, a força da greve está gerando crise na base aliada e dificultando os planos do governo.

Icons made by Bullseye from www.flaticon.com is licensed by CC 3.0 BY