GOVERNO SARTORI É DERROTADO NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

31.Janeiro.2018

O governo Sartori (PMDB) saiu derrotado da Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, 31. Não conseguiu a quantidade de votos necessários para aprovar a adesão do Rio Grande do Sul ao Regime de Recuperação Fiscal (RRF) do governo Temer e a consequente venda da CEEE, da Sulgás e da CRM, sem a realização de um plebiscito. A derrota também aconteceu porque a sessão foi marcada unicamente por debates sobre a inversão da ordem do dia, o que acabou não ocorrendo. As galerias do plenário e o entorno da Assembleia Legislativa foram, a exemplo de segunda e terça-feira, ocupados por servidores contrários aos projetos encaminhados pelo governador. A opção política do governo foi de se desfazer do patrimônio público ao invés de terminar com as isenções fiscais e cobrar impostos sonegados por setores do empresariado. Não surtiu efeito a estratégia de usar setores da mídia e parte dos empresários para forçar a aprovação do chamado pacote de maldades. O Projeto de Lei Complementar que permite a adesão do Estado ao RRF deve voltar à pauta na próxima terça-feira, dia 6. Os servidores, novamente, estarão na praça da Matriz e na Assembleia Legislativa pressionando contra a entrega do patrimônio dos gaúchos à iniciativa privada.
Icons made by Bullseye from www.flaticon.com is licensed by CC 3.0 BY